Novo Progresso

Novo Progresso
Letra e música: Matheus Souto

O ser humano faz infeliz toda sua gente
Polui o rio, mata a nascente,
Lava o chão com água corrente,
E então começa a reclamar:

“Ô clima doido, esse calor tá de matar!
E essa seca, onde é que vai parar?!”

E o progresso esteve aqui só de passagem
Transpôs o rio, fez a barragem
E o Velho Chico na estiagem
Fica fino feito um fio

Não tem mais peixe, já não é tão Doce o Rio…
Querem queimar toda a floresta do Brasil

A pedra é dura
Mas o garimpo é uma doença
Explode a Terra, a lama é densa
Se existe algo de sagrado essa gente nunca viu!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s